quinta-feira, 31 de março de 2011

A VIDA QUE VALE A PENA SER VIVIDA - PARTE DOIS - PROFESSOR CLÓVIS DE BARROS

Pessoal, 


segue a segunda parte da palestra.


Estou dizendo pessoal, essa palestra é ótima. 


Vale a pena perder dez minutos assistindo. O cara é fantástico.


Ele aborda a vida de forma leve, divertida e filosófica.


Beijos e até o próximo post


quarta-feira, 30 de março de 2011

ONDE ESTÁ A FELICIDADE?

Olá,


Encontrei no twitter (insensibilidade).  Bem interessante.




"Se você não encontra felicidade em si mesmo, é inútil que a procure em outro lugar."


É a mais pura verdade. 


Beijos e até o próximo post...

terça-feira, 29 de março de 2011

Calcinha Bege

Hoje vamos sair um pouco das prosas e ir um pouco para os risos.
Com esse artigo gostaria de começar uma campanha com o seguinte nome: “Abaixo o preconceito contra as calcinhas cor bege”. (risos)
Sim, exatamente, calcinhas cor bege, você não leu errado não e eu vou explicar.
Decidi escrever sobre isso, pois esse assunto sempre vem à tona em conversas com as mulheres ou em papo entre amigos.
A maioria dos homens tem verdadeiro horror de calcinha bege (risos), mas eles não argumentam muita coisa não, quando questionados do porque não gostam.
Em 99% dos casos a resposta é: É broxante. Só que o argumento para por aí. É bem verdade que um ou outro muda a resposta para: Nossa, calcinha bege é o fim.
Para melhor entender os homens, vamos lá, broxante nos dicionários da língua portuguesa quer dizer: Desanimador, algo chato, algo feio e/ou cansativo.
Vale mencionar que essa percepção masculina não é unânime não. Em busca de material para essa postagem, continuei essa pergunta: Fulano, o que você acha de calcinha bege?
Eis que tive algumas respostas diferenciadas, vejam:
1. Normal;
2. Não me importo com a cor não;
3. Na boa, homem que é homem nem a calcinha enxerga, quanto mais a cor (risos); e
4. Meu, corre de homem que diz que se importa com a cor da sua calcinha.

Eu, particularmente, tenho uma tendência à resposta de número 3 acima. (risos)
Bom, mas como todo mundo sabe, esse blog respeita a opinião de todos, é um blog democrático.

Então caros colegas que odeiam calcinhas cor bege, eu respeito essa opinião de vocês.
Acontece que eu tenho uma teoria que talvez faça vocês mudarem de idéia.
Não é a cor da calcinha que é broxante, é o MODELO da calcinha que é.

Ah, você não concorda? Vamos lá então, aos modelos de calcinhas:
Essa calcinha bege é broxante meus amigos???

E essa???


E mais essa???

Gente onde isso é broxante? E é BEGE... 

Agora vamos aos modelos broxantes, a seguir:

Mulheres jamais esse modeloooo...
Hahahahahahaha péssima...

Nem minha avó usava isso...ou será que usava? rss
 Continuando, mais modelos péssimos, em outras cores:

ECAAA....rs

Vixi....rs

Olha só, é o modelo que faz toda diferença, não a cor. E isso também não tem relação com a mulher ser bonita, ter um ótimo corpo e eu provo, olha essa foto:

Péssimo modelo...

E aí? Consegui convencer vocês? (risos)

Bem, independente dessa minha opinião, não posso deixar de mencionar que conversando com a minha terapeuta sobre o assunto ela disse: Acontece que as cores tem influência nas emoções humanas, por isso existe a cromoterapia. Inteligente essa colocação, verdade.

Ainda assim, defendo, é o modelo que faz toda a diferença e não a cor. Pelo menos é a minha percepção do assunto. (risos)

O que vocês acham?

Façam seus comentários no blog. Para quem preferir, pode fazer anônimo, existe essa opção.

Beijos e até. 

segunda-feira, 28 de março de 2011

Motivar o próximo é motivar a si mesmo

Olá, 

Sempre acreditei e continuo acreditando que todo mundo tem seu brilho e seu lugar ao sol.



Tudo que é bom e funciona para mim, eu gosto de compartilhar.  

Nunca tive medo de passar meus conhecimentos (poucos, perto de tantos que preciso aprender. Afinal, quanto mais sei, sei que nada sei, já disse o filósofo).

Procuro motivar o próximo, sempre que posso. Faço isso comigo diariamente. 

A vida é um presente e é ótima. O que não significa que não tenhamos nossas batalhas diárias, às vezes imaginárias, às vezes internas e às vezes externas (faz parte da essência do ser humano).

Quanto às externas uma dica: Escolham bem as suas batalhas. Poucas valem a pena.

E pensando em tudo isso percebi que quanto mais motivo o próximo, mais me sinto motivada comigo mesma.



Paulo Coelho diz exatamente isso, vejam:    
Um guerreiro da luz sabe que ninguém é tolo, e a vida ensina a todos, mesmo que isto exija tempo. Ele sempre dá o melhor de si, se espelha o melhor dos outros. Além disso, procura mostrar a todo mundo, com generosidade, do quanto cada um é capaz.Alguns companheiros comentam, existem pessoas ingratas. O guerreiro não se abala com isto. E continua estimulando seu próximo, proque é uma maneira de estimular a si mesmo. 


Beijos e até o próximo post...  



sábado, 26 de março de 2011

Sentada no divã - O BURACO - PADRÕES E HÁBITOS

Olá, 

Essa semana eu fui na minha habitual consulta com a minha terapeuta e amiga e ela leu para mim o texto abaixo: 

1) Ando pela rua.
Há um buraco fundo na calçada
Eu caio
Estou perdido… sem esperança.
Não é culpa minha.
Leva uma eternidade para encontrar a saída.

2) Ando pela mesma rua.
Há um buraco fundo na calçada
Mas finjo não vê-lo.
Caio nele de novo.
Não posso acreditar que estou no mesmo lugar.
Mas não é culpa minha.
Ainda assim leva um tempão para sair.

3) Ando pela mesma rua.
Há um buraco fundo na calçada
Vejo que ele ali está
Ainda assim caio… é um hábito.
Meus olhos se abrem
Sei onde estou
É minha culpa.
Saio imediatamente.

4) Ando pela mesma rua.
Há um buraco fundo na calçada
Dou a volta.

5) Ando por outra rua.

Portia NelsonAutobiografia em Cinco Capítulos, citado por Sogyal Rinpoche em O Livro Tibetano do Viver e do Morrer, Editora Palas Athena, São Paulo, 1999

Liberte-se de padrões e hábitos...

O texto fala dos nossos padrões de comportamento que muitas vezes são inconscientes. Outros tantos já temos consciência e mesmo assim repetimos, ainda é mais forte que nós, meio que automático, ou seja, ainda assim caio no buraco, é um hábito.

Há padrões em mim e em vocês de todos os níveis (do 1 ao 5 do texto).

É importante buscar se conhecer e mais importante ainda é tentar mudar os padrões que não nos servem mais ou até mesmo nunca serviram.

É um trabalho constante e eterno que vale a pena.

Beijos e até o próximo post...   

quinta-feira, 24 de março de 2011

Você acredita em EXTRATERRESTRES???

Olá,

Eu tenho uma amiga que acredita na existência de ETs (extraterrestres).




Para falar muito a verdade, eu tenho lá minhas dúvidas se de fato existe vida fora da terra.  Acredito que até tenha seres vivos, mas não como nós humanos ou algo semelhante. Não acredito que haja vida inteligente fora da terra.




“A ufologia é o nome popular utilizado para o estudo de indícios de vida fora do planeta. O nome academicamente aceito é "exobiologia".(Wikipédia)

Não há como negar que esse assunto é bem polêmico e aguça e muito a curiosidade dos seres humanos (na terra). Oras, se assim não fosse, não existiriam diversos filmes e seriados sobre isso.



Há pesquisadores em todo mundo que estudam esse assunto. Embora existam muito relatos, não há provas inequívocas da existência de ETs.


Casos:

“Um fato histórico de grande relevância pelos estudiosos do assunto é oCaso Roswell, em 1947, onde supostamente houve uma queda de um disco voador de origem extraterrestre na cidade norte-americana de Roswell, sendo capturado(s) o(s) ser(es) ainda com vida. O governo americano, após admitir a queda do equipamento, desmentiu afirmando que seriam balões meteorológicos.

No Brasil, o Caso Varginha, em 1996, é considerado por muitos ufólogos o mais importante de todos. Em torno de três seres supostamente foram capturados na cidade mineira que batiza o suposto fato e levados para aUniversidade de Campinas. O fato é intrigante, visto que as testemunhas ao longo dos dias foram numerosas.” (Wikipédia)


E você? Acredita em ETs?






Beijos e até o próximo post...



quarta-feira, 23 de março de 2011

Quero de Carlos Drummond - AMOR NA RAÍZ DA PALAVRA

Olá,




QUERO DE CARLOS DRUMMOND ANDRADE

Quero que todos os dias do ano
todos os dias da vida
de meia em meia hora
de 5 em 5 minutos
me digas: Eu te amo.
Ouvindo-te dizer: Eu te amo,
creio, no momento, que sou amado.
No momento anterior
e no seguinte,
como sabê-lo?
Quero que me repitas até a exaustão
que me amas que me amas que me amas.
Do contrário evapora-se a amação
pois ao não dizer: Eu te amo,
desmentes
apagas
teu amor por mim.
Exijo de ti o perene comunicado.
Não exijo senão isto,
isto sempre, isto cada vez mais.
Quero ser amado por e em tua palavra
nem sei de outra maneira a não ser esta
de reconhecer o dom amoroso,
a perfeita maneira de saber-se amado:
amor na raiz da palavra
e na sua emissão,
amor
saltando da língua nacional,
amor
feito som
vibração espacial.
No momento em que não me dizes:
Eu te amo,
inexoravelmente sei
que deixaste de amar-me,
que nunca me amastes antes.
Se não me disseres urgente repetido
Eu te amoamoamoamoamo,
verdade fulminante que acabas de desentranhar,
eu me precipito no caos,
essa coleção de objetos de não-amor.

Beijos e até o próximo post...

terça-feira, 22 de março de 2011

A VIDA QUE VALE A PENA SER VIVIDA - PARTE UM - PROFESSOR CLÓVIS DE BARROS

Pessoal, Boa Noite.


Eu vi essa palestra na empresa que eu trabalhava o ano passado (1º semestre).


Vejam, não é chata não. Muito pelo contrário. Ele é professor de filosofia da USP e aborda os temas da vida de forma despojada e leve.


Vejam a primeira parte:






Afinal, qual é a vida que vale a pena ser vivida?


Beijos e até o próximo post    

domingo, 20 de março de 2011

O silêncio que tumultua.



Olá, 


olha que interessante. Achei no twitter "mentes femininas".


"Pessoas muito silenciosas geralmente têm muito barulho em suas cabeças"






Você guarda muito as coisas só para você e dentro de você?


Isso tumultua a mente e o coração.


Fazendo um link dessa frase acima, hoje eu estava lendo a revista MÁXIMA e vi uma entrevista com a Glória Pires.


Ela é exemplo de sucesso em todas as áreas da vida: amor, família, profissão, outras.


De tudo que eu li, uma das coisas que Glória menciona como segredo de uma vida equilibrada é:


"Resolver as questões (sejam quais forem) na hora e pedir desculpas quando errar." 


Quem guarda as coisas e não resolve, apenas tumultua. É claro que há sempre a forma certa de falar.


Pensem nisso.


Beijos e até o próximo post...

sábado, 19 de março de 2011

PÉS FEMININOS (VISÃO DE MULHER) X PÉS MASCULINOS

Olá, 

Lembram do texto A magia dos pés femininos de Roberto Hoven? Vejam:

  

Então, mais uma vez concordo com ele em várias coisas, olha só:
  • Os homens vêem as mulheres com olhos masculinos e não com olhos femininos;
  • Homens, a maioria, tem fetiche por pés femininos; e
  • Invariavelmente, pezinhos bem feitos revelam o cuidado pessoal, a atenção, a higiene e o bom gosto de sua dona.



É bem verdade que não consigo entender muito bem essa "tara" masculina por pés. Por outro lado, gosto e, principalmente, fetiche/fantasia não se discutem e, tampouco se entendem, apenas se sentem.

Acontece que, se por um lado, há toda essa magia colocada nos pés femininos pelos homens, por outro, há um grande desconforto a respeito disso, por parte da maioria das mulheres.



Por que??? Oras, a maioria das mulheres odeiam os próprios pés. Não gostam. 

E, nesse sentido, foi o comentário da “Lú”, leitora do Prosas e Risos:

Vocês sabiam que a maioria das mulheres odeiam os próprios pés? Em rodas femininas quando perguntadas "o q vc mais odeia em si?" geralmente a resposta é "meus pés", surpreendendo os convencidos que a resposta seria "seios", "bumbum" ou "nariz".

Verdade! É a mais pura verdade.

Eu falo por mim. Vamos lá.

Não gosto nadinha dos meus pés, mas não posso ser injusta com eles, sabem? Eles não são bonitos? Não são não. Por outro lado, não são feios. 

Há uma grande diferença de algo não ser belo e algo ser feio.



Bom, meu pé é um pé típico de italiana. Pequeno e largo. Agora, bem cuidado, sem dúvida.

O cuidado, a atenção e a higiene dos pés são fundamentais. Concordo que expressa exatamente seus cuidados de mulher com você mesma.

E vamos além. Isso serve para qualquer coisa, né? A mulher tem que cultivar, buscar ou até resgatar o feminino que tem dentro dela e nisso também está o cuidado com a aparência. Digo isso sem qualquer conotação de futilidade.

Dito tudo isso, eis que estou namorando um homem que adora pés.

Conseguiram sentir o drama? (risos).

Imagina você estar namorando há uma semana, ter passado em requisitos muito mais “digamos significativos” dentro do crivo da pessoa. Em contra partida, a pessoa também passa pelo seus crivos iniciais (e se você é uma pessoa madura, que já viveu algumas coisas, com certeza os terão (crivos)), e ser reprovada por seus PÉZINHOS?

É bem verdade que se a pessoa deixar de namorar você porque não gostou dos seus pés, com certeza não gosta de verdade de você. Sinceridade estampada? Não queremos quem não nos aceite e não goste de verdade de nós, correto?

É, porque sem dúvida nenhuma, mesmo o cara sendo doente por pés perfeitos, uma vez que ele gosta de você de verdade, coisas como essas são colocadas de lado, em prol de uma série de coisas belas (física e qualidades) que você tem.

E isso serve para qualquer coisa que você não goste ou não aceite em você. Acredito que a pessoa que é legal para nós é aquela que acolhe nossas imperfeições e nos faz sentir confortável diante delas.


Claro que isso não significa que a pessoa e, essencialmente você, deve se fechar no “eu sou assim” e não buscar melhorar e evoluir, dentro do que é possível e esteja na sua mão.

Pode ser uma visão romântica, idealista e até utopia (ou quem sabe ingenuidade), mas quando tem afinidades, quando há química (de todos os níveis e espécies), quando há sentimentos verdadeiros, a beleza e a estética, pura e simples, tem pouca importância.

Vale ressaltar que não é por isso que você deve se descuidar, afinal, você ter orgulho, admiração e tesão pelo que se tem do lado, é fundamental (seja o que for, pois o belo para mim não é o mesmo que para você).

Para os curiosos de plantão, não fui para o paredão e nem fui eliminada, por conta de não ter o par de pés perfeito.

Agora, e os pés masculinos? São bonitos em geral? (risos). O que pensam as mulheres? Mulheres tem fetiche por pés masculinos?

Beijos e até o próximo post...

quinta-feira, 17 de março de 2011

Você só concorre com você mesmo!

Olá,

Resolvi escrever sobre isso, pois diversas vezes nos últimos tempos, estive diante de dizeres, filme(s) ou situações que me remeteram sempre para essa reflexão.

No fundo, nós concorremos apenas com a gente mesmo.



Eu assisti 02(duas) vezes o filme “Cisne Negro” e eu assistiria outras tantas que fossem (aliás, assim que sair eu compro), vez que o filme é excelente e relata exatamente isso.

Na vida, em qualquer situação, quer seja pessoal ou profissional, você concorre só com você mesmo.

Nesse filme tem um diálogo dela (NINA BAILARINA escolhida para o papel principal) e o professor que ele:

A única pessoa que está no seu caminho é você mesma.



No texto do filtro solar tem o seguinte trecho:

A peleja é longa e, no fim,
é só você contra você mesmo.

É meus amigos, os nossos pensamentos nos levantam e nos derrubam.



Então, vamos vigiar nossos pensamentos e trabalhar aqueles que não são bons, ou melhor, nos libertar dos que não são bons.

Confiar em si é a palavra de ordem de hoje.

Pensando nisso, lembrei da palavra INSEGURANÇA. Tenho um conceito muito particular dessa palavra.


INSEGURANÇA, no meu conceito, é não confiar em si mesmo.  Ao passo que SEGURANÇA é ter plena confiança que, esteja onde estiver, aconteça o que acontecer, você estará seguro em si, ou seja, terá você mesmo 100% do seu lado para te apoiar e motivar.


Beijos e até o próximo post...

quarta-feira, 16 de março de 2011

O FIM TEM SEMPRE UM PORQUÊ!

Olá,

Lembram da postagem O FIM NÃO TEM UM PORQUÊ!? Vejam o link:
http://prosaserisos.blogspot.com/2011/03/o-fim-nao-tem-um-porque.html

Então, concordo com o autor em 03(três) coisas:

  • “Pensar nos porquês do fim”, não leva a nada;
  • “mandar tudo o que é recordação embora”, fundamental; e 
  • “ninguém é insubstituível ou tão necessário”, muito real, um fato.


Porém, eu gostaria de complementar colocando outra visão.


Eu me relacionei sério pelo menos 05(cinco) vezes, lembrando que eu já tenho 35(trinta e cinco) anos. (risos)
Meus relacionamentos deram certo? Responderia que deu enquanto durou. Ah, mas isso é frase feita. Verdade. É sim frase feita, mas real.



Porque terminou? Por uma série de fatores, alguns meus, alguns das outras pessoas com quem eu me relacionava, alguns nossos, alguns externos, alguns internos, enfim, mil fatores levam ao fim.
Será que conta para alguma coisa descobrir “os porquês dos fins”? Sinceramente, em minha opinião, nem um pouco. 



Acredito que basta saber que se fosse para dar certo teria dado certo. Simplista minha visão? Vamos lá. No meu pensamento, há algumas coisas que são fundamentais para um relacionamento dar certo:
  • Pré-disposição para se relacionar de verdade (antes mesmo de ter encontrado alguém. É o famoso estar aberto;
  • Ter afinidades e objetivos em comuns (não acredito que os opostos ficam juntos);
  • Cumplicidade e parceria; e
  • Química.

Por outro lado, o que pode fazer não dar mais certo:
  • paixão louca e cega que turva qualquer visão da realidade. Aí já começa a encrenca. Você projeta e idealiza coisas que não são reais. A pessoa não é do jeito que você idealiza, ela é o que é. Aí, na medida em que a paixão louca passa (porque passa), não há sustentação para se tornar amor;
  • diferentes níveis de maturidade;
  • diferentes momentos que acabam colocando cada pessoa com um foco e objetivo, ou seja, perda dos objetivos em comum; e
  • falta de amor puro e simples. É, porque amor acaba e sem explicação ou porquês.

Só que a verdade é uma só, quando há todos os itens acima e o amor, qualquer dificuldade que possa existir, com certeza haverá uma pré-disposição de ambos em acertar e mudar. Quando você ama, você releva e supera muita coisa (tirando falta de caráter e traição no meu caso). 
Agora, uma coisa não se pode negar, o passado (entenda-se relacionamentos e pessoas do passado), em uma nova relação, deve ficar enterrada no passado, pois do contrário, você poderá minar uma nova relação promissora e não por querer o que se foi de volta, mas por um pouco de falta de bom senso de deixar o medo e o passado ir embora. 
Não deu certo? Não há nada de errado com você. Você está na sua jornada de crescimento. Como disse Mario Quintana: Cuide do jardim que as borboletas virão.



Quando realmente estamos preparados a pessoa certa vem, como por encanto. Certa para você e para o seu momento, valendo lembrar que poderá ser um amor eterno enquanto durar ou perdurar toda a existência da sua jornada.
Se não deu certo, é porque ainda não chegou o fim, como diria o filósofo. Em suma, não era para você e sem tirar o mérito e qualidade de qualquer das pessoas do passado, apenas não é.
Beijos e até o próximo post...

terça-feira, 15 de março de 2011

A busca – Não mentalizar o mal!!!


Olá meus amigos,

Hoje eu gostaria de deixar uma mensagem para vocês, vejam:

“Quando o homem não mentaliza o mal,
o mal não acontece”. (Lao – Tsé)



Em suma meus amigos, afastem seus pensamentos e seus corações de qualquer coisa que não seja positiva.

Tenha confiança em si e no fluxo da vida.

Acalmar o coração é importante para que as coisas se harmonizem e fluam.

Muita paz e luz para todos...

Beijos e até o próximo post...

segunda-feira, 14 de março de 2011

Gun´s and Roses – Show - 2010


Olá,

Como vocês sabem, eu tenho vários shows para ir esse semestre, vamos lá: 

o   02/04/2011 – Ozzy
o   07/04/2011 – Slash (Ex-guitarrista do Gun´s)
o   09/04/2011 – U2
o   14/04/2011 – Roxette

E eu quero e vou comentar todos eles aqui no blog.

Só que em 2010, eu fui a outros shows que também gostaria de compartilhar aqui.

Então, eu resolvi começar.

Vamos falar do show do Gun´s and Rose pegando o gancho da postagem do Slash.




Vejam o link da postagem do Slash:


Bem, o show do Gun´s não teve a participação de Slash, pois este não faz mais parte da banda, seguiu carreira solo.

Atualmente, o guitarrista (solo) do grupo é o DJ ASHBA:




Em 21 de março de 2009, DJ Ashba foi nomeado oficialmente como novo guitarrista do Guns N' Roses, entrando no lugar de Robin Finck. Este, sem dúvida, é o trabalho mais importante da carreira de Ashba, que excursiona com a banda na turnê de divulgação do álbum "Chinese Democracy". Dj Ashba é conhecido por sua virtuosidade, acompanhada de feeling, técnica e muita criatividade em compor, com tatuagens por todo o corpo. DJ é guitarrista, compositor, baterista, percussionista, pianista e vocalista. (fonte – Wikipédia)

Muito honestamente, embora goste muito do Slash, a verdade é que DJ ASHBA é muito bom também. Fez uma substituição à altura do Slash. Minha opinião, claro.



Sem contar que eu já fui a vários shows de bandas excelentes (Rush, Iron, MEGADETH, outros), só que confesso que a energia do AXL, no dia do show, foi incomparável a tudo que já tinha visto.


Ele simplesmente deu 03h15 de show, sem parar um minuto. Ele estava super pilhado. Corria pelo palco todo, o tempo inteiro. A energia e a adrenalina foram demais, indescritíveis.


Em termos de pique e energia foi meu melhor show. Ele (AXL) arrasou. Tá certo que ele atrasou demais. Ele entrou só 00h00. Ainda, havia boatos que ele nem entraria. Só que entrou e deu um show animal.


É bem verdade que ele não tem mais a beleza que tinha em sua juventude, mas garanto que o pique e a voz...estão excelentes.








Adorei.


Vejam um pouquinho do show:



Welcome to the Jungle: muito bom...muito....!!!

 












Beijos e até o próximo post....